Natal Sinal da Cruz. Natalino









                                familia

No Sinal da Cruz, por que o Espírito Santo está dividido em dois ombros?
Criada no catolicismo, desde cedo eu aprendi a fazer o Sinal da Cruz.
Me foi dito que este ato me protegeria contra todo o mal e ainda seria um sinal que me colocaria como Filha de Deus.
O Sinal da Cruz e o Espírito Santo divididoUma questão sempre me intrigou:O Sinal da Cruz envolve quatro pontos no corpo: testa, peito, ombro esquerdo e ombro direito.
Mas apenas três Seres são citados: Pai, Filho e Espírito Santo.
E desde que me entendo por gente, eu achava isto muito estranho.
Pensava com a minha mente infantil: - "Por que o Espirito Santo foi dividido em dois ombros?".
Resolvendo a questão!Já adulta e depois de estudar muito os símbolos ocultos do mundo espiritual, percebi que algo faltava no Sinal da Cruz.
E de novo minha mente investigativa entrava em ação: -"Temos um Pai Divino, mas não temos uma
familiaMãe Divina?".
 Compreendi que a Deusa Mãe foi esquecida e omitida!
E então, eu inseri a Deusa Mãe no Sinal da Cruz e meu coração se acalmou, pois finalmente o Espírito Santo não estava mais dividido em dois ombros.
Desde então, faço o Sinal da Cruz da seguinte maneira:
Em Nome do Pai – Com a mão direita, toco a testa.
Em Nome da Mãe – Com a mão direita, toco o peito.
Em Nome do Filho – Com a mão direita, toco o ombro esquerdo.
Em Nome do Espírito Santo - Com a mão direita, toco o ombro direito.
Amém, Amém, Amém e Amém!

Reflexões:O símbolo da Cruz é muito antigo e o Sinal da Cruz adotado pelos Cristãos não pertence exclusivamente aos Cristãos.
É um símbolo encontrado em diversas culturas antigas e considerado como um símbolo Universal, cujo significado é: Forças do Céu e Forças da Terra equilibradas entre si, gerando os quatro elementos: fogo, ar, terra e água.
Diversas gravuras de cruzes se acham em toda a parte nos monumentos e túmulos egípcios, assim como também se tem conhecimento que era um símbolo muito presente nas civilizações pagãs.
Sem desmerecer os ritos cristãos e considerando que cada um dos seus símbolos tem ou teve um sentido de ser, nós podemos nos expandir em consciência para ajustarmos um pouco as coisas.
A Cruz e o Sinal da Cruz são Universais, trazem em si uma mensagem que de forma alguma está relacionada com a crucificação de Jesus: o Cristo e, ao compreendermos os nossos símbolos espirituais em sua amplitude, temos mais chances de acessar a verdadeira energia contida em cada um deles!
Não importa qual é a sua crença religiosa. Você pode continuar nela e expandir-se ao mesmo tempo!
Fazer o Sinal da Cruz inserindo a Mãe não é heresia, não fere a Deus e ainda traz Paz ao coração!
Você é livre para expandir-se na consciência de que diversos são os caminhos que levam a Deus!
E o futuro das nossas religiões ruma ao Universalismo, com a compreensão de que o acesso a Deus está primeiramente dentro do seu próprio Ser!
Amor,Luz e Paz, EU SOU
ElzaSoares

Nenhum comentário:

Marcadores